É, eu desisti. E acredite, foi o maior ato de coragem que já tive na vida.